Blog

Podcast “Abertamente”: ep. 22, “Em defesa da música contemporânea” com Ana Telles

Neste episódio de Abertamente recebemos Ana Telles, pianista aclamada na área do repertório moderno e contemporâneo. A par disso, é ainda a directora da Escola de Artes da Universidade de Évora.

Com ela, conversámos sobre as relações que se estabelecem entre os compositores, interpretes e público, neste universo criativo que é o da música contemporânea.
A estreia de uma obra é uma aventura e o interprete é o veiculo dessa descoberta.

Neste episódio escutamos música de Messiaen, Bach e Bochmann.


Voto de congratulação na AR

A OSF foi esta manhã ovacionada na AR após um voto de congratulação apresentado pela Comissão Parlamentar para a Cultura, tendo o mesmo sido aprovado por unanimidade.

Este encorajador gesto de reconhecimento vem no seguimento da vitória por parte da OSF do Prémio Carlos Magno para a Juventude 2022!

Fotografias de João Pedro Domingos


Residências em Música de Câmara: Quinteto Alma

No dia 18 de Junho, a OSF apresenta em Marvão a apresentação final da masterclass de música de câmara com o Professor Paul Wakabayashi pelo Quinteto ALMA.

A OSF considera a actividade formativa uma característica fundamental da sua actividade, razão pela qual tem apostado desde cedo em masterclasses, oficinas, laboratórios e programas pedagógicos para várias idades, promovendo também a integração de outros agrupamentos no ecossistema formativo do seu raio de acção.

O quinteto ALMA é composto por jovens músicos naturais e/ou residentes no interior de Portugal e é o vencedor do programa de residências em música de câmara OSF de 2022.

Paul Wakabayashi, natural dos EUA, é um dos mais procurados e conceituados músicos e pedagogos na área da música de câmara em Portugal, sendo também um dos membros do Quarteto Lacerda, com o qual se apresentou em inúmeros concertos desde 1990, tendo também gravado vários discos com especial enfoque na música portuguesa.


“Da Primavera para o Verão” em Arraiolos, Montemor-o-Novo e Mora

Nos próximos dias 9, 10 e 11 de Junho a OSF desce até ao Alentejo para apresentar o concerto ‘Da Primavera para o Verão’ em Arraiolos, Montemor-o-Novo e Mora.

Um programa que parte da primavera da vida, neste caso com Benjamin Britten e a sua primeira composição de catálogo, a Sinfonietta, escrita em 1932, quando o compositor contava apenas 18 primaveras.

Dá-se então a transição para o verão com a serena e calorosa Pastorale d’Été do suíço Arthur Honegger, composta em 1920 e inspirada por umas férias de verão nos Alpes do seu país.

Por fim, celebra-se o Alentejo nas suas quatro estações e património humano, com a estreia absoluta de Arrayollos, obra em quatro andamentos característicos das paisagens e tradições alentejanas, de João Nascimento, resultado de uma encomenda da OSF ao compositor natural de Arraiolos.

Direcção e apresentação de Martim Sousa Tavares.


Vencedora do Prémio Europeu Carlos Magno para a Juventude 2022

A OSF é a grande vencedora do Prémio Carlos Magno para a Juventude de 2022! É a primeira vez que o E.C.Y.P. vem para Portugal.

A cerimónia decorreu esta manhã em Aachen, na Alemanha, e o prémio foi entregue pela Vice-Presidente do Parlamento Europeu, Katarina Barley ao maestro Martim Sousa Tavares, depois de uma apresentação dos 26 projectos vencedores nacionais.

É um orgulho o reconhecimento do valor da OSF, vencedora entre 455 candidaturas de 26 países diferentes.
O Prémio Carlos Magno para a Juventude é uma iniciativa que promove os valores da europa, iniciativa do Parlamento Europeu.


Podcast “Abertamente”: ep. 21, “Levar a música clássica à academia” com Tiago Oliveira

Neste episódio de Abertamente recebemos o maestro Tiago Oliveira, director artístico da Orquestra Académica da Universidade de Lisboa.

No Abertamente temos falado muito de música clássica, na perspectiva do meio profissional, mas pouco na perspectiva do meio amador. O que muda e o que se mantém igual quando nos relacionamos com a música desta forma? É sobre este e outros aspectos do trabalho da OAUL que Tiago Oliveira conversa connosco, neste episódio. Há muito potencial nestes músicos e na força que o trabalho deles tem para levar a música clássica ao público da academia.

Neste episódio escutamos música de Brahms, Joly Braga Santos e Arturo Márquez.


Quinteto Alma, 30 de Abril em S. Pedro do Sul

No dia 30 de Abril, apresenta-se, pela primeira vez ao abrigo da 2ª edição das Residências de Música de Câmara OSF, o concerto do Quinteto Alma na Igreja Matriz Santa Cruz da Trapa em São Pedro do Sul.

O quinteto ALMA é composto por cinco jovens músicos com raízes e ligações ao interior do país, especialmente em Castelo Branco. Foi nessa cidade que se formaram, e é das paisagens albicastrenses que nasce a “Suite Raiana” de Fernando Lapa, uma encomenda da Câmara Municipal de Castelo Branco estreada pelo João Roiz Ensemble, que toma inspiração nas melodias tradicionais raianas.

Antes de Fernando Lapa, ouvir-se-á o Quinteto com Clarinete em Lá Maior de Mozart, uma obra ímpar do repertório camerístico com clarinete, e exponente da maturidade do compositor de Salzburgo. ☀

30 de Abril às 21:00
Igreja Matriz Santa Cruz da Trapa em São Pedro do Sul.

Programa : W. A. Mozart, Quinteto com Clarinete em Lá Maior e Fernando Lapa, “Suite Raiana”


Podcast “Abertamente”: ep. 20, “A importância da música coral portuguesa” com Paulo Vassalo Lourenço

Neste episódio de Abertamente recebemos o maestro Paulo Vassalo Lourenço, figura conhecida do meio coral português.

Nesta conversa falámos sobre a música coral em Portugal, descobrimos a importância do associativismo, do papel social que ele desempenha e ficámos com uma fotografia de como se canta em Portugal.

Neste episódio escutamos música de Carrapatoso, Pinho Vargas e Lopes Graça.


Música pela Europa e por Abril,
Vila Real (24/4) e Lisboa (25/4)

Nos dias 24 e 25, a OSF irá subir a palco para representar valores europeus e de Abril.

Em Vila Real, dia 24 de Abril, a OSF recebe o Prémio Carlos Magno para a Juventude 2022 #ECYP2022, seguindo-se um concerto que cruza música da Ucrânia, Portugal e Finlândia.

No dia 25 de Abril a OSF participa nas cerimónias de celebração no Palácio de São Bento, apresentando a “Suite” de Anne Victorino d’Almeida, escrita a partir da banda sonora que a compositora criou para o filme documental “Cartas a uma Ditadura”, de Inês de Medeiros.

Ambos os eventos são de entrada livre


Vencedora nacional do Prémio Europeu Carlos Magno para a Juventude

A OSF foi anunciada como vencedora nacional do Prémio Europeu Carlos Magno para a Juventude.

Trata-se duma iniciativa do Parlamento Europeu para reconhecer projectos que contribuem para o espírito de integração europeu, valores esses que são centrais na identidade da OSF desde o começo da sua actividade, há precisamente 3 anos.

Em Maio estaremos em Aachen, na Alemanha, para conhecer os outros finalistas e apresentar o nosso projecto.